Temer nega crise, diz que continua na articulação e defende governo Dilma

Temer nega crise, diz que continua na articulação e defende governo Dilma

O vice-presidente Michel Temer negou nesta segunda-feira (6) que haja crise institucional no governo, rebateu as críticas de que deveria deixar a articulação política e as declarações da oposição de que o governo de Dilma Rousseff pode terminar antes do fim do mandato. “Fizemos uma análise da conjuntura política e estamos todos muito tranquilos em relação às providências que o governo está tomando. Fizemos essa avaliação conjuntural para revelar que o governo continua tranquilo em relação…

Ler Mais...

Crise global gera capitalismo mais violento com trabalhadores e soberania

Crise global gera capitalismo mais violento com trabalhadores e soberania

O capitalismo está em crise, e os resultados são visíveis não só no desempenho econômico dos países como nos aspectos social e ambiental, alertam professores universitários consultados pelo JB. Estaria se desenhado ainda, em resposta à crise, um movimento mais violento à qualidade de vida dos trabalhadores e à soberania dos países. Soluções podem e devem ser buscadas por cada país, mas resultados teriam limites, já que a economia se expressa em escala mundial. A…

Ler Mais...

Dilma sanciona com vetos lei que altera regras do seguro desemprego

Dilma sanciona com vetos lei que altera regras do seguro desemprego

A presidenta Dilma Rousseff sancionou, com vetos, a lei que torna mais rígidos os critérios de acesso ao seguro-desemprego, seguro-defeso e abono salarial. A sanção foi publicada hoje (17) no Diário Oficial da União e a lei entra em vigor imediatamente. A medida faz parte do ajuste fiscal e o governo espera economizar com a redução da concessão de benefícios trabalhistas. Com a lei, o trabalhador poderá pedir o seguro-desemprego, pela primeira vez, se tiver…

Ler Mais...

Polícia Federal faz operação contra tráfico e lavagem de dinheiro em 5 estados

Polícia Federal faz operação contra tráfico e lavagem de dinheiro em 5 estados

A Operação Ferrari deflagrada pela Polícia Federal em 15 cidades do país, nos Estados do Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Bahia e Sergipe, na manhã de ontem, prendeu 16 pessoas suspeitas de envolvimento com o tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro. Três delas foram presas em Londrina no norte do Paraná, e são apontadas pela polícia como coordenadoras da organização criminosa. Até as 18h quatro pessoas estavam foragidas, segundo a Polícia…

Ler Mais...